Sabemos que antigamente o armazenamento de células-tronco era restrito aos recém nascidos por meio do sangue e tecido do cordão umbilical. Entretanto, com o passar do tempo, a tecnologia permitiu que crianças pouquinho mais velhas também armazenem por meio do dente de leite. Agora, existe também uma nova forma de coleta, permitindo que adultos coletem células-tronco pelo periósteo do palato. Mas afinal, o que é isso?

O que é?

Primeiramente, por definição do dicionário, o periósteo é uma “membrana de tecido conectivo que reveste exteriormente os ossos e da qual podem formar-se elementos ósseos”. Essa membrana envolve todos ossos do corpo e possui células-tronco mesenquimais.

O palato é a placa óssea na parte superior da boca, na divisória da cavidade oral e nasal. Nós temos o palato duro na parte principal da boca, e o palato mole é o tecido mole atrás dele, já próximo à garganta. Comumente chamamos o palato de “céu da boca” também.

E a coleta de células-tronco?

Nesse sentido, as células-tronco do periósteo do palato são as células-tronco mesenquimais coletadas no céu da boca por meio dessa camada exterior de nosso osso. E apesar do nome complexo, a coleta é de extrema facilidade para médicos e dentistas.

A coleta é indicada a uma distância de 3 ou 4 milímetros dos pré-molares superiores. Antes de tudo é feita uma anestesia no local onde haverá a coleta. Em seguida, utiliza-se um bisturi circular, como um bisturi de biópsia, para fazer a coleta. O material coletado é de somente 3 milímetros de diâmetro, tamanho da lâmina do bisturi circular.

E é só isso! 

A coleta de células-tronco pelo periósteo do palato é tão simples que não há necessidade de suturas. O procedimento é realizado em poucos minutos, e o pós-operatório é tão simples quanto a coleta de um dente de leite.

Abaixo separamos um trecho do vídeo de treinamento para dentistas se habilitarem como coletores de células-tronco. Se você quer oferecer essa forma de coleta em sua clínica, clique aqui.

Mas e a idade das células-tronco? Mesmo células de adultos são úteis para terapias?

Se você fez essa pergunta antes, você está de parabéns! É um fato que a coleta de células-tronco sempre deve ser feita o quanto antes para preservarmos células mais jovens e de melhor qualidade. Entretanto, apesar do envelhecimento ser um fator determinante para a qualidade das células-tronco, sempre incentivamos a criopreservação.

Da mesma forma que células-tronco de crianças de 6 anos de idade são melhores do que de crianças de 12 anos, células de um adulto de 50 anos serão melhores do que células de adultos de 70. E assim por diante.

Ao longo dos anos nosso corpo está sujeito a toxinas e envelhecimento, algo natural da vida. Por isso nossas células passam a perder capacidades e passam a não funcionar da maneira que funcionavam antigamente. Esse é um dos principais motivos pelo qual fazemos o armazenamento de células-tronco: para ter uma peça de reposição do nosso corpo.

E é por esse mesmo motivo que entendemos a importância de armazenar o quanto antes nossas células. Ou seja, quando você precisar usar, saberá que está recebendo de volta uma “parte” de seu corpo da mesma idade que você fez a coleta.

Depoimentos de quem coletou

Em julho do ano passado, época de estruturação do lançamento dessa fonte de coleta, gravamos o treinamento para coleta de células-tronco pelo periósteo do palato. Nesse dia, o Dr. Roberto Bijos, cirurgião plástico, e Walker Jeveaux, Diretor-executivo da R-Crio, realizaram a coleta e gravaram uma entrevista contando sobre as perspectivas da R-Crio e a experiência da coleta.

Dr. Roberto Bijos

 

Walker Jeveaux

 

O armazenamento para adultos.

Acreditamos que evoluções, como o desenvolvimento de uma nova forma de coleta para adultos, sejam divisores de águas para a promoção de saúde. Sabe-se que o uso de células-tronco vem sendo difundido cada vez mais no mundo não só pela ciência, mas está cada vez mais comuns vermos notícias e até mesmo filmes mencionarem as células-tronco.

A atual pandemia também já nos alertou que podemos não estar preparados para certas doenças, e que devemos nos prevenir de todas as formas que estão em nosso alcance. Além disso, com o aumento da longevidade de vida, devemos encarar com serenidade que grande parte da nossa vida será durante a velhice. Por isso, pensar em longevidade e qualidade de vida é importante desde já.

Por fim, tratamentos com células-tronco, diferente do que muitos pensam, já são realidade atual. Pensando assim, adultos com células armazenadas já possuem acesso a terapias celulares hoje, e por isso também deve ser feito o armazenamento com intenção de uso.

Continue acompanhando nosso blog para insights como esse, e entenda aos poucos sobre o tesouro para sua saúde que está escondido dentro de seu próprio corpo.

Até um próximo texto!

Summary
Article Name
Células-tronco do periósteo do palato
Author
Publisher Name
R-Crio Células-tronco